Você sabia que BH é uma Smart City?

Tempo de leitura: 3 minutos

Você já ouviu falar no termo “Smart City”? Ele é usado para se referir às cidades inteligentes, ou seja, que utilizam diversas tecnologias a seu favor. Essas tecnologias buscam avançar e melhorar questões como a sustentabilidade, a acessibilidade, a saúde e a economia.

A seguir, você vai ver algumas características das Smart Cities e entender o porquê de Belo Horizonte se encaixar nesse meio. Confira!

O que é uma Smart City?

Um município pode ser considerado uma Smart City quando procura integrar as suas redes de serviço para resolver problemas urbanos e investir nas áreas sociais e econômicas como a educação, a segurança, a mobilidade e a energia. Para isso, são elaborados projetos de curto, médio e longo prazo.

Nesse sentido, Belo Horizonte possui vários esforços e, por isso, pode ser considerada uma Smart City. Por causa desses investimentos, a cidade tem alcançado ótimos resultados nas escalas nacional e internacional, que avaliam o desenvolvimento dessas atividades.

Quais projetos de Belo Horizonte se destacam para torná-la uma Smart City?

Belo Horizonte vem se destacado dentre as demais Smart Cities por seus programas de atenção à sustentabilidade e ao meio ambiente.

Essas atitudes condizem com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), implantados pela ONU. Um dos principais alvos da ODS está justamente em tornar as cidades mais inclusivas, desenvolvidas e, ao mesmo tempo, sustentáveis.

Veja algumas medidas implantadas em Belo Horizonte nos últimos anos que procuram cuidar e aumentar a sustentabilidade, sem interromper o desenvolvimento da cidade:

Política Climática

Essa é uma ação que articula as políticas públicas e iniciativas privadas em busca da redução da emissão de gases de efeito estufa, além de conscientizar os cidadãos sobre a importância de se cuidar do meio ambiente.

Selo BH Sustentável

A iniciativa é uma maneira de reconhecer os serviços, instituições e órgãos que levam em conta fatores como a redução da poluição e a economia de água e energia.

Planejamento Estratégico BH 2030

O projeto, que surgiu e começou a ser colocado em prática em 2009, consiste em 6 objetivos que devem ser cumpridos até meados de 2030 e visam cuidar para garantir um futuro melhor.

Os objetivos do Planejamento Estratégico BH 2030 dizem respeito a maiores investimentos nas áreas de saúde, educação, mobilidade, meio ambiente, tecnologia e urbanismo. Por exemplo, no quesito sustentabilidade, existe o intuito de se reduzir 20% das emissões de gases poluentes até o ano determinado.

Quais são outras Smart Cities do Brasil?

Além de Belo Horizonte, outras cidades brasileiras que se destacam como Smart Cities são Rio de Janeiro e São Paulo. No entanto, algumas cidades pequenas, como Nova Lima (MG) e São Caetano do Sul (SP) também vêm conquistando seu espaço.

Assim, com base nas observações expostas acima, é possível pensar que uma Smart City é um ótimo exemplo de estilo de desenvolvimento, uma vez que visa o avanço e, ao mesmo tempo, o cuidado com a sociedade e o meio ambiente. Compartilhe este artigo nas suas redes sociais e ajude a divulgar a ideia de cidades inteligentes!

Sobre Maruscka Grassano

Maruscka Grassano

Esta área é reservada para a biografia do autor e deve ser inserida para cada autor a partir da seção Informações biográficas, no painel administrativo. Caso deseje incluir links para as redes sociais de cada autor do site, recomendamos que instale o plugin WordPress SEO. Após instalado, o plugin criará os respectivos campos para links das principais redes sociais (Facebook, Google Plus e Twitter). Após preenchidos os campos, os links de cada rede aparecerão automaticamente aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *